(51) 99877.8389
(51) 3022.5100
  • Blog COMDESK

    Acompanhe Artigos, Notícias e nossos Casos de Sucesso.
Terça, 14 Agosto 2018

Virtualização de Servidores

Escrito por

A virtualização de servidores é uma tecnologia baseada em software que possibilita a execução de vários sistemas operacionais diferentes como convidados dentro de um único servidor físico. São as chamadas máquinas virtuais (VMs) que executam em uma imitação virtual do hardware de servidor. É como se os recursos de um servidor físico, por exemplo, fossem divididos em diversos servidores virtuais que podem ser usados com finalidade diferentes, permitindo maior densidade de utilização de recursos (hardware, espaço físico, etc.), enquanto permite que isolamento e segurança sejam mantidos.

Essa tecnologia representa uma das maneiras mais eficientes de reduzir os custos de infraestrutura de TI. Isso porque a virtualização pode ser aplicada tanto em servidores quanto em redes, aplicações e Data Centers. Além disso, ela também gera mais eficiência e agilidade com um investimento que não ultrapassa os orçamentos de TI tradicionais.

 

Arquitetura Tradicional x Arquitetura Virtualizada

 

Com a Virtualização de Servidor, conquista-se os seguintes benefícios:

  • Consolidação de Servidores: Muitos servidores implantados pelas organizações são sub-utilizados. Implantando múltiplos servidores em um número menor de servidores físicos, é possível aumentar a utilização média de recursos dos servidores, enquanto diminui o numero de máquinas.

 

  • Economia de eletricidade e iniciativas de Green IT: na maioria das organizações, consolidar os servidores com Virtualização de Servidores diminui os gastos com eletricidade, espaço físico ocupado, consumo com refrigeração do ambiente, desperdícios de recursos, indo ao encontro com iniciativas de Green IT.

 

  • Isolamento de Aplicação ou Serviço: Com a criação de máquinas virtuais isoladas, a execução dos serviços e aplicações pode ser feita em Sistemas Operacionais diferentes. Isso previne que uma aplicação afete outra quando você faz uma atualização ou mudança. Isso, muitas vezes, se torna melhor do que executar diversas aplicações em um único Sistema Operacional.

 

  • Implantação de Servidores Simplificada: Com a criação de imagens padrão de servidores virtuais, você pode implantar máquinas virtuais de forma muito mais simples. Como você está implementando um servidor virtual, você também não precisa fazer aquisição de um novo Hardware, e localizar espaço e energia elétrica em um Data Center. (Observando sempre a utilização de recursos compartilhados dentro de um Host, você pode ter que adquirir um novo Hardware para executar suas Máquinas Virtuais)
  • Maior disponibilidade de Aplicações e Serviços: Como a aplicação ou serviço não está mais conectado diretamente a um hardware específico, é mais fácil assegurar disponibilidade e recuperação. Algumas tecnologias permitem, inclusive, migrar uma máquina virtual de um host a outro host sem interrupção da máquina virtual.

 

  • Múltiplos Sistemas Operacionais podem ser executados uma única plataforma: Com a virtualização, é possível utilizar diferentes Sistemas Operacionais em um único servidor físico, como Windows Server 2003 e Windows Server 2008 R2, FreeBSD e até mesmo Linux.

 

Os principais hypervisors da atualidade para virtualização de servidores são:

Proxmox VE, VMware ESX, Microsoft Hyper-V, Citrix Xen Server, Oracle Virtual Box e RedHat KVM.

 

Proxmox VE
Proxmox VE
Plataforma completa para virtualização a nível empresarial.
www.proxmox.com
pfSense
pfSense
Sistema que possui recursos avançados para controle e segurança de redes.
www.pfsense.org
FreeNAS
FreeNAS
Sistema operacional para NAS (Network Attached Storage).
www.freenas.org
Zabbix
Zabbix
Ferramenta para monitoramento de redes, servidores e serviços.
www.zabbix.org
XenServer
XenServer
Plataforma de virtualização abrangente, com recursos de classe empresarial.
www.xenserver.org
GLPI
GLPI
Ferramenta completa para gestão de ativos e service desk.
www.glpi-project.org
redhat
redhat
Líder no fornecimento de soluções open source para TI corporativa
www.redhat.com.br
Suse
Suse
Sistema Operacional Linux e soluções de código aberto para serviços corporativos.
www.suse.com
Samba
Samba
Software que implementa solução semelhante ao Active Directory da Microsoft.
www.samba.org

Somos especialistas em Open Source

Conforme as empresas, de todos os portes, passam a seguir o filosofia do open source, começa a ficar claro que as vantagens de adotar esse conceito não se restringem somente aos preços.

Diferente do que pensa o senso comum, o open source é uma filosofia alternativa de negócios e não apenas a disponibilização de softwares gratuitos.


O software de código aberto, proporciona maior liberdade, flexibilidade, agilidade e segurança.